Impostômetro da ACSP chega à marca de R$ 1,5 trilhão

O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) chegou à marca de R$ 1,5 trilhão na última quinta-feira, 14/9. O valor equivale a todo o dinheiro que os brasileiros pagaram aos cofres da União, dos Estados e dos municípios em tributos (impostos, taxas, contribuições, multas, juros e correção monetária) desde o primeiro dia do ano.
 
Em 2016, a marca de R$ 1,5 trilhão foi registrada dia 6 de outubro e, em 2015, dia 2/10, demonstrando que a arrecadação avançou. “A inflação pesou muito no período, aumentando o bolo arrecadatório; ela tem caído, mas ainda é alta. Também contribuíram a elevação de algumas alíquotas e a recuperação, mesmo que lenta, de alguns setores da economia”, diz Alencar Burti, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp). “Se considerarmos o enfraquecimento recente da economia, o peso da tributação é ainda mais forte para empresas e contribuintes”.
 
Os valores mostrados pelo painel da ACSP são nominais (sem descontar a inflação), baseados em informações oficiais e calculados pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT). 
Fonte: Associação Comercial de São Paulo